Lindoso – A Terra e a Gente

Esta entrada é parte 15 de 27 na série Lindoso

Esta pequena entrevista captada quando equipas da TVGalicia em finais de 1991 visitavam a região , mostra-nos um outro aspecto – não menos confrangedor que a perca das terras – mostra-nos a tristeza e a dor pela perda da identidade enquanto memória colectiva de um povo. De todo este drama que foi a perda irreversível das suas terras e das suas Memórias , sobressai também um sentimento de impotência e consequente sacrifício, . Estas declarações de sabedoria, de quem já tinha emigrado no início do século, vivido duas Guerras Mundiais e assistido à chegada do Homem à Lua, deixam-nos confrontados com a verdadeira dureza daqueles momentos.

Atentem nas palavras finais.  As palavras de alguém que correu mundo e voltou à sua terra, contrastadas num rosto de sofrimento e impotência. A preocupação com a continuidade, com  o legado à geração vindoura, são traduzidos no mesmo rosto, que não olha de frente…esgaravatando com o cajado no chão, calando as suas mágoas!

 

Ver mais da sérieLindoso – outras formas de lutaLindoso – Cuando cantan las sirenas

Deixe uma resposta