…cada roca tem seu fuso – 7

Esta entrada é parte 7 de 9 na série Cancelas

Sempre me fascinaram as cancelas (?) que por aí proliferam e que são verdadeiros monumentos à criatividade. Também são testemunho de muitas mudanças e evoluções. Cada vez que vejo uma destas “instalações”, por vezes dignas dos maiores artistas, não posso deixar de fazer algumas reflexões. Umas, são brincadeiras e exercícios rebuscados de humor. Outras, tentam ser mais sérias.

Uma coisa será certa! Sempre se aproveitou! e as coisas sempre tiveram uma segunda utilização, não duvido. Sempre do velho se fez novo. Uma velha cama pode muito bem ser a nova cancela…São, sem dúvida, uma necessidade de recursos e o reflexo das condições sócio-económicas de algumas sociedades. A necessidade aguça o engenho!

Ver mais da sérieCada roca tem seu fuso – 6A cancela mais “feia” até hoje

2 comentários a “…cada roca tem seu fuso – 7

  1. Olá Jorge!
    Esta é “do lado de cá” efectivamente, mas a conversão Cama- Cancela tem requintes lá para os lados de Entrimo. Esta é a melhor (até hoje)

    Um abraço

Deixe uma resposta