Corvelle

Depois de passar Saá – concello de Lobios – PNBL- SX,- e estacionar junto da entrada do estradão que atravessa até à Portela do Homem, iniciámos a subida até desviar para Corvelle, cerca de 300 metros depois de passar a ponte sobre o Rio Lobios. Abandonámos o estradão e seguimos por trilho de pé posto. Com o Rio Lobios sobre a esquerda, fomos subindo em direcção à Chan de Frielo. A paisagem era soberba, com os cumes desde as Gralheiras, Fonte Fria, Nevosa e toda a cumeada, cobertos de branco. Dado o adiantado da hora, regressamos antes de alcançar Pion de Paredes.

Uma vez regressados ao estradão ainda subimos até descrever a curva que nos permitia a vista privilegiada sobre o Vale de Vilameá e o trilho das Sombras. Após alguns momentos de contemplação,  açoitados por um vento gélido,  com sol , chuva e neve!!!, (incrível conjugação de Tempo – tudo ao mesmo tempo! 🙂 ) regressámos ao carro tendo percorrido um total de cerca de 16 km.

2 comentários a “Corvelle

  1. Bonito trilho…os momentos que nos “transportam” para estes locais maravilhosos podem não ser efémeros e estas belas fotografias eternas!!!
    Parabéns
    NV

Deixe uma resposta