Sombras – do alto e a céu aberto

Sábado 29Ago09. Tal como qualquer outra exploração mineira, também nas Minas das Sombras tiveram lugar as “explorações a céu aberto”. O afloramento à superfície de determinados filões, permitia este tipo de exploração. No entanto, nos trabalhos realizados alguns filões atingiram cotas negativas consideráveis. Hoje, misturados com escombros, grandes blocos jazem no tempo, revelando um trabalho impressionante e como que inacabado. A paisagem permite-nos panoramas magníficos. Seguindo um antigo trilho, aproveitou-se a oportunidade para uma “estudar” uma aproximação a Corvelle e verificar a possibilidade  futura de passagem até à Chã de Frielo, ou uma diferente abordagem à Nevosa. Descemos pelo mesmo trilho até ao edifício principal das minas. Recuperámos as mochilas e seguimos para a Amoreira.

HPIM1130

HPIM1133

HPIM1136

HPIM1137

HPIM1139

HPIM1147

HPIM1149

Deixe uma resposta